As Guardas municipais de Araucária e Região Metropolitana de Curitiba, por meio de ofício cobram a Secretária do Estado à imunização conta a covid-19. A cobrança é pelo fato da secretária ter disponibilizado um lote da vacina somente para os guardas da capital