Votação deverá acontecer no dia 11 de maio e será realizada através de voto eletrônico.

Você sabe qual será o dia e como se dará a votação do impeachment da presidente Dilma Rousseff? Pois bem, Renan Calheiros (PMDB de Alagoas), presidente do Senado, apontou que a sessão que terá a votação para afastar Dilma deverá acontecer no dia 11 de maio, uma quarta-feira.

Outro ponto que ficou definido foi como será a votação. Ela será aberta e ocorrerá através de um painel eletrônico, isso numa tentativa de que sejam evitados alguns discursos constrangedores como aconteceu na votação na Câmara dos Deputados. A ideia do Senado é que a sessão não se prolongue e também evitar certas falas como as de alguns deputados.

Desta maneira, a votação será feita da seguinte forma: cada um dos senadores vai ter em sua cadeira um botão para que seja votado sim ou não. O resultado deste voto vai aparecer no painel de uma maneira rápida e fácil. Mesmo com todo esse apreço para que não aconteça polêmicas, pode ser que apareçam controvérsias e que a sessão seja prolongada.

De acordo com o regimento, os senadores terão o direito de usar a palavra por até 15 minutos. Serão 80 senadores que votarão, sendo que se 80 destes quiser falar algo, o que exclui Renan Calheiros, serão 20 horas de votação. Ou seja, mesmo com a votação sendo apenas por um botão, pode haver sim mais bate bocas e falas nada agradáveis de nossos senadores.

Os líderes da bancada também vão contar com um espaço para falar durante o encaminhamento da votação. Cada líder dos partidos poderá ir até o microfone e comentar se a bancada é a favor ou não ou ainda se vai liberar para o critério do parlamentar em como votar frente ao impeachment.

Se a sessão começar no dia 11 de maio e perdurar até a madrugada do dia 12 de maio, e os senadores na maioria simples votarem pelo “sim”, a presidente Dilma deverá ser afastada de suas funções ainda na quinta-feira pelo período de 180 dias.

Com o afastamento, Dilma vai receber uma notificação e deverá assinar esse documento e sair do planalto imediatamente. As informações dão conta que Dilma receberá a notificação e vai descer a rampa do Planalto. Seria um gesto simbólico da presidente para mostrar que foi eleita democraticamente e está sendo afastada através de um “golpe”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui