Comunicar erro

Nesta segunda-feira dia 16, o programa Estúdio i, da Globo News, fez uma cobertura da saída do presidente do Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, após passar por um procedimento cirúrgico, para corrigir um problema ainda relacionado à facada que sofreu no ano passado, durante sua campanha eleitoral na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais.
Ao acionar uma repórter que traria mais informações sobre a alta hospitalar do presidente, a apresentadora Maria Beltrão acabou chamando Bolsonaro de “Bozonaro”, um trocadilho com termo pejorativo utilizado por críticos do governo para se dirigir ao presidente, fazendo referência ao palhaço Bozo, que fez sucesso no SBT nos anos 1980 e 1990. “A [repórter] Thais Itaqui continua esperando aí a saída do presidente Bozonaro… Bolsonaro”, disse Beltrão.
Aparentemente, tudo não passou de uma gafe da apresentadora, mas os internautas não deixaram barato. Nas redes sociais, a situação dividiu opiniões. Críticos do governo se divertiram com a gafe, mas apoiadores de Bolsonaro demonstraram indignação, com alguns acusando a jornalista de ter utilizado o termo de propósito.

Comentários
“Apresentadora da GloboNews chama o presidente de “Bozonaro”. Esse é o nível dos “jornalistas” da Globo”;
“A mente sempre trai quem está acostumada a tratar ele [o presidente] assim fora das câmeras”;
“Que triste. Pode até não concordar, mas respeito é o mínimo que se espera de um jornalista sério. Infelizmente, toda admiração que já tive por essa senhora, se desfez”;
“Típico ato falho de quem já tem o costume de tratar a pessoa desse modo. Tal aquele colega de trabalho que todo mundo põe apelido, mas só fala por trás. Uma hora escapa”.
Foram alguns dos comentários críticos.