Comunicar erro

Policiais Rodoviários Federais realizam, na próxima quinta-feira (02), uma grande mobilização em busca da restruturação da carreira e valorização profissional. O ato de protesto terá início às 10 horas, com uma caminhada saindo da sede do Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais no Paraná – SINPRF/PR até a sede da 7ª Superintendência Regional da PRF no Paraná, que está localizada às margens da BR 476, na Linha Verde, em Curitiba.

Durante a caminhada, os participantes estarão vestidos com a camiseta da Campanha Salarial 2015, um movimento nacional da categoria, e carregarão cruzes de madeira, que simbolizam as vítimas de acidentes de trânsito e PRFs vítimas fatais decorrentes da atividade profissional. A caminhada não promoverá o bloqueio de nenhuma das vias, porém, é importante alertar que o trânsito poderá ficar lento na região.

As mais de 150 cruzes serão fixadas em frente à sede da superintendência, onde o movimento ganhará ainda mais força e, simbolicamente, os participantes “enxugarão gelo”, fazendo referência ao descaso do Governo Federal. Na oportunidade, também será protocolado um pedido coletivo de remoção de todos os PRFs do serviço administrativo para atividade fim.

De acordo com o presidente do SINPRF/PR, Sidnei Nunes, o protesto será realizado em busca de soluções para as reivindicações da categoria, que visam garantir os direitos dos Policiais Rodoviários Federais. “Estaremos unidos nesta grande mobilização, mostrando a nossa insatisfação e a necessidade da reestruturação da carreira dos PRFs, que realizam um importante trabalho nas rodovias federais. Caso não tenhamos avanço nas negociações, a possibilidade de uma greve geral será discutida em Assembleia, no dia 09 de julho”, afirma ele.

A mobilização contará com a participação dos PRFs da capital e do interior, aposentados, pensionistas e excedentes do concurso 2013, além de familiares e amigos.